Portugal

Roteiro de seis dias em Portugal

O que fazer em seis dias em Portugal

Veja um roteiro de seis dias em Portugal para conhecer as principais cidades e pontos turísticos desse país cheio de história, gastronomia e cultura. Em cada canto, Portugal esconde uma história, pois cada região tem sua cultura e o país em si é um poço de encantos. Por isso, se você vai viajar para Portugal, além de conhecer a capital, Lisboa, aproveite as poucas distâncias e conheça mais lugares incríveis. Veja a seguir uma dica de roteiro de apenas seis dias para conhecer um pouquinho de Portugal, começando no Porto e descendo até Lisboa.

Mapa da Península Ibérica

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito em Portugal. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à Portugal vai sair mais barata do que imaginava e você poderá gastar mais para aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre um roteiro de seis dias em Portugal.

Primeiro dia em Portugal – Porto

O Porto é a segunda maior cidade de Portugal e a segunda principal, recebendo turistas o ano inteiro. Há muitos pontos turísticos no Porto que devem ser visitados, mas como o tempo não é muito longo, o melhor é ver o roteiro de um dia no Porto para se inspirar e ver o que não pode ficar de fora nessa viagem. O Rio Douro e a Ribeira são o ponto forte e cartão postal da cidade, então a visita é essencial. Se fizer calor ou bom tempo, não deixe de fazer um passeio de barco pelo Rio Douro, que é uma experiência muito legal e você acaba vendo o Porto de um lado e Vila Nova de Gaia do outro.

Ribeira do Porto

Depois, aproveite para ir até os Jardins do Palácio de Cristal, que fica numa região mais alta da cidade, com uma bela vista do Porto, tendo a oeste a Ponte da Arrábida e a foz do Rio Douro. O Palácio de Cristal hoje em dia funciona apenas como um pavilhão esportivo. Perto está um famoso restaurante, o Capa Negra, para experimentar a comida típica do Porto: a francesinha. Nada mais é do que um enorme sanduíche servido em prato e que se come com talheres, pois leva muitos ingredientes como linguiça, salsicha, carne, presunto, entre outros e coberto por queijo derretido e um molho específico e apimentado, também cheio de ingredientes.

Prato típico do Porto: francesinha

Segundo dia em Portugal – Coimbra

No seu terceiro dia do roteiro de seis dias em Portugal, pegue a estrada cedinho do Porto a Coimbra (117 km; mais ou menos 1h de carro) e comece por visitar a Sé Velha, a antiga Catedral de Coimbra. Ela foi construída no século XII a pedido de D. Afonso Henriques – o primeiro rei de Portugal. O Largo da Sé é rodeado de bares da faculdade, então se você for na época escolar verá os estudantes todos os dias tomando uma cerveja e conversando. A Sé Nova, como o nome já diz, é mais recente, mas não tanto assim, já que foi construída no final do século XVI. Ela apresenta arquitetura do estilo barroca e renascentista.

Sé Nova de Coimbra

Depois de visitar a Sé, visite a Biblioteca Joanina, que é um dos pontos turísticos de Coimbra mais atrativos. Ela fica no pátio da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. O edifício foi construído entre 1717 e 1728. Logo a seguir fica a Capela S. Miguel, também do século XVI e muito bonita. Dentro da Universidade ficam três lugares imperdíveis, a Sala das Armas, onde acontecem os atos solenes da universidade, a Sala dos Capelos, onde se coloca o ”chapéu” aos graduados e a Sala do Exame Privado, onde ocorreu a primeira reunião da universidade. À tarde, pode visitar o Portugal dos Pequenitos, um espaço incrível para ir também com as crianças, onde estão representadas (em miniaturas) as principais cidades e atrações do país.

Portugal dos Pequenitos em Coimbra

Terceiro dia em Portugal – Fátima e Óbidos

Durma em Coimbra e no dia seguinte pegue o carro e desça para Fátima (85 km). O Santuário de Fátima é conhecido mundialmente e é o principal ponto de peregrinação em Portugal. O passeio é válido para todos, e não somente para os católicos e praticantes. Nele você pode ver as duas basílicas, a sala das velas e conhecer o local onde a nossa Sra. de Fátima apareceu aos Três Pastorinhos. À tarde, pegue novamente a estrada e dirija até Óbidos (88 km), que é uma pequena cidadezinha que fica perto de Lisboa e que encanta, principalmente no outono e inverno, que é quando os turistas mais a visitam. Em Óbidos não há muito o que ver, apenas passear pelas ruas da cidade, subir à muralha do Castelo, e visitar as diversas igrejas que ficam pela cidade. Depois de visitar Óbidos e experimentar o licor especialidade, a ginja, que é servida num copinho de chocolate, escolha entre ficar hospedado por lá ou dirigir até Lisboa (mais 1 hora de carro).

Fátima - Santuário

Quarto dia em Portugal – Sintra

No quarto dia do seu roteiro de seis dias em Portugal, vá até Sintra, uma cidade perto da capital e que é um encanto. Sintra é pequena, mas a Serra tem a maioria dos pontos turísticos de Sintra. Para conhecer dedique um dia inteiro, pois além da estrada ser cheia de curvas e não ser possível andar muito rápido, todos os palácios da vila merecem umas duas horas de dedicação. No topo, fica o Palácio da Pena, um dos cartões postais da cidade. O Castelo dos Mouros fica também no alto, em uma outra ponta da serra e da qual se vê o Palácio da Pena e garante fotos lindas. Ao descer, verá ouros palácios dignos de sua visita: Palácio de Montserrate, Palácio Nacional de Sintra, Quinta da Regaleira, entre outros pontos turísticos.

Palácio da Pena em Sintra

Quinta dia em Portugal – Lisboa

Passe os últimos dois dias na capital, Lisboa, para conhecer o máximo de atrações e pontos turísticos. O clima de Lisboa depende muito da época em que você viaja, mas no geral as temperaturas são boas e não faz muito frio. A dica é ver onde ficar em Lisboa e escolher um bairro cêntrico para evitar perder tempo em deslocamentos. Logo no primeiro dia, comece por visitar Belém, onde ficam alguns pontos de interesse bem interessantes e importantes: o Mosteiro dos Jerónimos, o Padrão dos Descobrimentos e a Torre de Belém. Aproveite para experimentar os famosos Pastéis de Belém!

Pastelaria de Belém em Lisboa

Esses três pontos turísticos já vão ocupar toda a manhã, mas dependendo do tempo que você leve para visitar, pode ocupar o começo da tarde. Depois, dê um passeio pelo centro da cidade, faça um passeio de elétrico 28, e visite os principais lugares históricos do centro, como a Sé de Lisboa e o Castelo de São Jorge. Para terminar o dia, veja a cidade do alto, seja subindo pelo Elevador da Glória, ou através do Elevador Santa Justa.

Elevador da Glória em Lisboa

Sexto dia em Portugal – Lisboa

No seu segundo dia em Lisboa e último dia d roteiro de seis dias em Portugal, vá até uma área bem moderna de Lisboa e que contrasta com o que viu no primeiro dia: o Parque das Nações. Ele foi construído para a grande Expo Mundial de 1998 e que deixou um legado lindo, moderno e turístico para Lisboa. No Parque das Nações ande no Teleférico de Lisboa, que apesar de ser um passeio curto, dá para admirar todo o Rio Tejo e ver a cidade do alto, sendo um ótimo passeio para registrar em fotografias. Se viajar com crianças, uma parada obrigatória no Parque das Nações é o Oceanário de Lisboa, que é considerado um dos maiores aquários do mundo. Ele conta com pinguins, tubarões, arraias, cavalos marinhos e muito mais animais que as crianças adoram e até os adultos se encantam. Nele você irá dedicar, pelo menos, duas horas para fazer uma visita legal e apreciar a via marinha. Se desejar, você pode almoçar dentro do Porque das Nações antes de ir para o resto do seu passeio.

Oceanário em Lisboa

À tarde, dependendo da hora que tem que sair da cidade, pode ainda voltar para o centro e ir conhecer a região do Bairro Alto, Príncipe Real e Marquês do Pombal. A dica é ir do Príncipe Real e descer até o Marquês, pois assim conseguirá ver do alto o Parque Eduardo VII, um lugar lindo e de onde se consegue ver o Rio Tejo. Se ainda tiver tempo, vá até o Cais do Sodré, passe pela rua cor de rosa e dedique as últimas horas em Lisboa a conhecer o Mercado da Ribeira, um antigo mercado e que hoje em dia é um dos lugares mais cools de Lisboa para petiscar, almoçar, jantar ou só passear.

Parque Eduardo VII em Lisboa

Dica para comprar ingressos das atrações e passeios

Uma dica para economizar com a compra dos passeios e ingressos de Portugal é comprar os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos. Um site legal que nós sempre utilizamos é esse Site de Ingressos da Europaque vende ingressos para os principais pontos turísticos e passeios de Lisboa, Porto e de toda a Europa. Eles são um dos maiores vendedores de ingressos de passeios e pontos turísticos de todas as cidades do mundo, o site está em português e o bom é que você compra todos os seus ingressos em um único lugar, ao invés de ficar comprando no site de cada atração. É muito mais prático, você tem um atendimento excelente para resolver qualquer problema ou dúvida que tiver e os preços são ótimos e muitas vezes mais barato do que no próprio site da atração. Facilitou bastante nossas viagens e ajudou a economizar tempo e dinheiro. Se prepare, pois as opções de passeios são enormes e dá vontade de fazer todos. Depois de comprar, você recebe por e-mail o voucher e todas as informações.

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre um roteiro de seis dias em Portugal, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europacom tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Use seu celular à vontade em Portugal e na Europa

Poder usar seu celular em Portugal, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Portugal nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre um roteiro de seis dias em Portugal quando estiver lá.

Use seu celular à vontade em Portugal e na Europa

Dicas para aproveitar melhor sua viagem a Portugal

Agora que você já viu tudo sobre um roteiro de cinco dias em Portugal, uma dica importante é que alguns pontos turísticos, praias, cidades legais e vinícolas em Portugal são um pouco afastados das cidades, e uma ótima opção para aproveitar melhor sua viagem é alugar um carro. Muitos brasileiros estão fazendo isso, pois você pode conhecer várias cidades de Portugal que são lindas e fazer a viagem entre Porto e Lisboa, que é uma das viagens mais bonitas e as estradas são lindas. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro em Portugalcom dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível, comparadores de preços excelentes, documentos necessários e tudo o que você precisa saber sobre o assunto para economizar e fazer o melhor negócio.

Dicas para aproveitar melhor sua viagem a Portugal

Veja outras matérias imperdíveis de Portugal:

O que fazer em Lisboa: Principais atrações, passeios e lugares de Lisboa em Portugal.
Onde ficar em Porto: Melhores regiões para se hospedar em Porto.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.
Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *