Pontos Turísticos

Torre de Belém em Lisboa

Veja aqui todas as informações sobre a Torre de Belém em Lisboa, um dos cartões-postais mais famosos da cidade, e como visitá-la. É, sem dúvidas, um dos passeios de Lisboa imperdíveis! Saiba abaixo mais detalhes sobre a Torre de Belém.

Entrada para a Torre de Belém

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito em sua viagem a Lisboa e Portugal. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem a Portugal vai sair mais barata do que imaginava e você poderá gastar mais para aproveitar ainda mais sua viagem.

O que é a Torre de Belém?

A Torre de Belém é um monumento super tradicional e histórico de Lisboa, assim como o Castelo de São Jorge em Lisboa. Com 30 metros de altura, ela é uma fortificação que se destaca pela sua arquitetura, já que é rodeada por decorações e brasões das armas de Portugal, incluindo inscrições de cruzes da Ordem de Cristo nas janelas. Ela é chamada oficialmente de Torre de São Vicente, e fica afastada do centro turístico de Lisboa, estando localizada na freguesia de Belém. Mais abaixo, nós explicamos como chegar até ela.

Anoitecer na Torre de Belém

Interior da Torre de Belém em Lisboa

A parte externa da Torre de Belém é uma das belezas do monumento, onde se apreciam as influências islâmicas e seu estilo manuelino, com vários elementos que fazem alusão à época das navegações. Por dentro, a torre é composta por cinco andares – do mais baixo ao mais alto, eles contam com: sala do governador, sala dos reis, sala das audiências, capela e, por fim, o terraço da torre, de onde se tem uma vista incrível de Lisboa. Tudo é muito bem preservado, e você perceberá se tratar de um local histórico!

Interior da Torre de Belém em Lisboa

História da Torre de Belém em Lisboa

A Torre de Belém foi construída entre 1514 e 1520 pelo arquiteto e escultor Francisco de Arruda. A torre era um projeto de construção defensiva da cidade que surgiu na época de D. João II e era para se chamar Baluarte de São Vicente, sob invocação de São Vicente de Saragoça, padroeiro de Lisboa. No entanto, a estrutura só começou a ser no reinado de Manuel I. O intuito era substituir uma nau artilhada que estava ancorada nas águas do rio Tejo, de onde partiram as frotas para as Índias, e acabou sendo, mais tarde, utilizada como aduaneiro, sinalização telegráfico e também como farol. Durante o reinado de Filipe II da Espanha, se utilizou a torre como masmorras para os presos políticos. E, finalmente, em 1907 foi classificada como Monumento Nacional e em 1983 foi classificada como Patrimônio Mundial da UNESCO.

Como chegar à Torre de Belém em Lisboa?

Como o nome já diz, a Torre de Belém fica no bairro de Belém, junto ao rio Tejo, na Avenida Brasília. Para chegar até lá de ônibus (autocarro), basta pegar as linhas 727, 28, 729, 714 e 751. Também é possível chegar de trem e barco, saindo na estação ”Belém” para ambos os casos – mas, claro, um é fluvial e outro terrestre. Ainda, partindo da Praça Rossio, é possível chegar até a torre pegando o elétrico da linha 15A – Algés. E, claro, você pode chegar até lá com um carro muito facilmente.

Exterior da Torre de Belém em Lisboa

Aproveite a pequena viagem e conheça outros dois pontos turísticos que ficam ali do lado: o Mosteiro dos Jerônimos e as lojas mais tradicionais dos famosos pastéis de Belém – se quiser, veja onde comer os melhores pastéis de Belém em Lisboa e feche o passeio com chave de ouro.

Horários, preços e outras informações da Torre de Belém

A Torre de Belém recebe visitantes de terças-feiras a domingos, com horários variados. De outubro a março, funciona das 10h às 17h30 (a última entrada acontece às 17h). De abril a setembro, funciona das 10h às 18h30 (última entrada às 17h30). Nos feriados de 1º de janeiro, domingo de Páscoa, 1º de maio, 13 de junho, e 24 e 25 de dezembro, a torre NÃO abre para visitas.

Vista desde a Torre de Belém em Lisboa

O bilhete individual custa 6€, podendo ser pago em dinheiro ou cartão Visa. As crianças de até 12 anos não pagam ingresso, e visitantes com idade igual ou superior a 65 anos têm 50% de desconto. Nós recomendamos que você compre seu ingresso antes, via internet, especialmente se estiver viajando na alta temporada. Além disso, programe sua visita para a manhã ou início da tarde, para não correr o risco de ficar preso na fila de entrada e não poder entrar – mesmo que você já tenha o ingresso. Saiba abaixo como comprar o ingresso com segurança.

Onde comprar os ingressos para a Torre de Belém e outros passeios?

Comprar os ingressos para passeios de Portugal pela internet é sempre mais barato do que comprar na hora. Você compra com empresas de confiança e não perde tempo na viagem! Nós sempre pesquisamos bastante sobre o assunto, e nas últimas viagens utilizamos esse site de Ingressos da Europa, que vende ingressos para os principais pontos turísticos e passeios de Lisboa, Porto e de todas as cidades da Europa. Eles são um dos maiores vendedores de ingressos de passeios e pontos turísticos de todas as cidades do mundo, o site está em português, e o bom é que você compra todos os seus ingressos em um único lugar. E tem também esse site de passeios e excursões que é excelente. Os preços são ótimos e tem excursões incríveis para todas as cidades de Portugal. Nós já fizemos as excursões para Fátima, Sintra e Cascais, todas saindo de Lisboa ou Porto. Amamos e achamos o serviço deles muito bom! Os dois sites são de confiança e tem os melhores preços.

Praça do Comércio em Lisboa

Muito mais dicas de Lisboa no Youtube!

Está gostando da matéria? Não deixe de visitar também o nosso canal no Youtube. Tem vários vídeos incríveis de Lisboa, com muito mais dicas, para te ajudar a planejar toda a sua viagem. Se quiser, clique aqui para se inscrever no canal ou aqui para ver a playlist com todos os vídeos de Lisboa. Esse vídeo é o mais assistido do canal:

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre a Torre de Belém em Lisboa, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir a qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Mulher olhando janela de avião

Como usar o celular à vontade em Lisboa e na Europa?

Poder usar seu celular em Lisboa e na Europa, em geral, é algo extremamente útil e necessário, já que com ele você pode pesquisar sobre pontos turísticos, acessar os aplicativos deles, conferir a previsão do tempo e até usar o GPS, economizando o aluguel deste equipamento para o carro. Além de, claro, estar conectado nas várias redes sociais e WhatsApp! Por isso, selecionamos as melhores dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar, podendo pesquisar sobre a Torre de Belém em Lisboa.

Casal olhando celular

Dicas para aproveitar melhor sua viagem a Lisboa

Agora que você já viu tudo sobre a Torre de Belém em Lisboa, uma dica legal e que faz a diferença na viagem à Lisboa é escolher bem a localização do seu hotel. A cidade é enorme, e ficar em uma região perto dos principais pontos turísticos faz toda a diferença. Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Lisboa, onde damos dicas das melhores regiões para se hospedar por lá e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar boas promoções).

Dicas para aproveitar melhor sua viagem a Lisboa

Outra dica importante é que alguns pontos turísticos, praias, cidades legais, vinícolas e o outlet de Lisboa são um pouco afastados da cidade, e uma ótima opção para aproveitar melhor sua viagem é alugar um carro. Muitos brasileiros estão fazendo isso, pois você pode conhecer várias cidades lindas. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro em Lisboa e Portugal, com tudo o que você precisa saber do assunto e dicas de como encontrar preços imbatíveis usando comparadores, para fazer o melhor negócio.

Família em carro

Veja outras matérias imperdíveis de Lisboa:

O que fazer em Lisboa: Principais atrações, passeios e lugares de Lisboa em Portugal.
Ingressos de Lisboa mais baratos:
 Onde comprar os ingressos das atrações turísticas.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Tags:

5 comentários

  1. Não comprei nenhum ingresso para Lisboa e Sintra. Você acha necessário? Pensei em economizar e deixar pra comprar lá. Em Lisboa deixarei para ir no domingo que é de graça a entrada na Torre e no Mosteiro. Sintra penso em comprar na hora. Será que a fila é grande? Obrigada!!

    1. Olá Ed, nós preferimos sempre comprar antes porque além de já viajar com os ingressos e não perder tempo em fila nenhuma, sempre é alguns euros mais baratos pela Internet. As filas é difícil prever, já pegamos lugares com pouca fila e outros com muita. A Torre fomos no Domingo, fica muito mais cheio que de dia da semana por ser de graça e pegamos uma fila grande para entrar, mas para quem quer economizar um pouco vale a pena.

  2. […] O Grupo Dicas também tem informações e muito conteúdo sobre a terrinha em um site especializado. Confira o Dicas de Lisboa em: Dicas de Lisboa […]

  3. Olá! Eu vou ficar só 3 dias em Lisboa.. então gostaria de aproveitar o máximo de tempo, mas sem ter que visitar os lugares com pressa. Vocês poderiam me dizer quanto tempo mais ou menos vocês ficaram na torre de Belém, no Mosteiro dos Jerónimos e no Castelo de São Jorge? Será que é possível visitar esses 3 lugares num mesmo dia?
    Obrigada!

    (Acho que uma dica legal para o site de vocês seria sempre colocar mais ou menos quanto tempo precisa para ficar em cada lugar)

    1. Olá Sarah. Ótima dica, obrigada! Olha, a Torre de Belém e Mosteiro dos Jerónimos podem ser visitados no mesmo dia seguramente, já que são bem próximos, já o Castelo de São Jorge é um pouco mais distante e talvez seja mais corrido visitá-lo no mesmo dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *